Rede autorizada Monroe com o melhor preço da Região

 

AMORTECEDORES ORIGINAIS

SEGURANÇA E ECONOMIA
A DEL ROSSO TEM!

A Del Rosso faz a revisão períodica dos amortecedores do seu carro, com desmontagem e montagem gratuitamente, verificando assim se o mesmo realmente perdeu a ação, vale lembrar que a kilometragem e a data de validade também devem ser respeitados.

O que é importante verificar em seu carro em relação aos amortecedores?

  1. Pouca resposta da direção, rigidez ou ruído;
  2. Vazamento de fluido do amortecedor ou de estrutura da suspensão;
  3. Amortecedor amassado ou danificado;
  4. Inclinação excessiva ou instabilidade durante frenagem;
  5. Balanços ou inclinação ao trocar de faixa;
  6. Desgaste irregular de pneu;
  7. Direção dura, irregular ou instável

Fique atento se o seu veículo apresenta alguns desses sinais. Caso apresente, venha até uma de nossas unidades e faça a troca das peças.

 

 Breve História do Amortecedor

Com o desenvolvimento de carros, as molas começaram a causar problemas, pois ao passar por um buraco na pista, a mola era comprimida e a energia acumulada produzia vários movimentos de extensão e compressão fazendo o veículo oscilar, comprometendo a estabilidade e tornando dirigir algo difícil e perigoso. Para resolver este problema foi criado o amortecedor. Hoje os amortecedores são partes fundamentais das suspensões dos veículos propiciando conforto e segurança tanto nas suspensões tradicionais quanto nas suspensões McPherson (estruturais).

Os amortecedores têm como função, controlar as oscilações da suspensão, mantendo as rodas do veículo em contato permanente com o solo estabilizando a carroceria do veículo, propiciando conforto, segurança, estabilidade e evitando o desgaste excessivo dos componentes da suspensão e pneus.

Um amortecedor tem a capacidade de absorver as vibrações que são causadas nas molas, pelos buracos ou deformações das estradas, através de um cilindro que está rodeado por fluído hidráulico sob pressão. O amortecedor abre e fecha aproximadamente 2.600 vezes por quilômetro rodado, o que equivale dizer que aos 30.000 km completa 78.000.000 desses movimentos, produzindo desgastes em seus componentes internos.

 

 Como é constituído o amortecedor?

O amortecedor tem várias partes fundamentais para o seu funcionamento, que passamos a explicar como é mostrado na imagem da parte interior de um amortecedor.

Suportes do amortecedor - Os amortecedores são instalados no veículo através dos dois suportes, um na parte superior – que é montado na parte do chassis do veículo, e outro na parte inferior – que é instalado no eixo das rodas. Todas as vibrações das molas são transmitidas para o pistão através do suporte superior, que está diretamente ligado à haste do pistão.

Pistão – O pistão está preso ao suporte superior, movimentando-se para cima ou para baixo, consoante os movimentos das rodas. A cabeça do pistão tem pequenos orifícios por onde passam pequenas quantidades de fluído hidráulico sob alta pressão, fazendo com que o pistão se desloque em movimentos suaves, absorvendo assim todas as vibrações.

Cilindro de reserva – Na parte exterior do tubo pressurizado existe um cilindro de reserva, para onde vai o excesso de fluído hidráulico.

Válvula – A válvula situa-se na parte inferior do tubo pressurizado, controlando a quantidade de fluido hidráulico entre o tubo de pressão e o cilindro de reserva.

 

 Quanto tempo dura um amortecedor?

Um amortecedor é constantemente submetido a milhares de oscilações e esforços que causam a deterioração dos pistões, dos tubos e da válvula, que fazem com que o fluído pressurizado mantenha-se nos locais corretos, permitindo assim um amortecimento adequado.

O tempo de duração dos armortecedores vai depender do tipo de estrada que o veículo costuma circular bem como da forma como é utilizado. Em condições mais exigentes, com estradas mais danificadas ou com um condutor que faz curvas, acelerações e travagens mais bruscas, um amortecedor tem uma vida útil de apenas 10 mil quilómetros. No entanto, a sua vida útil pode chegar aos 30 a 50 mil quilómetros, se o veículo circular em estradas com melhores condições e também se o condutor tiver uma condução mais suave.

 

 Testes para verificar os amortecedores

Se sentir que o seu veículo está a oscilar muito nas lombas e buracos, provavelmente está na hora de trocar os amortecedores.

Pode fazer outro teste simples para saber se os amortecedores estão em bom estado:

Fora do veículo teste os amortecedores fazendo pressão nos para-choques, para cima e para baixo. Se os amortecedores estiverem em bom estado, vai reparar que o veículo vai parar de oscilar praticamente de imediato, assim que parar de o oscilar. Se pelo contrário, o veículo continuar a oscilar para cima e para baixo após o largar, é sinal que os amortecedores não estão a desempenhar a sua função corretamente.

 

* Cobrimos orçamento de produtos e serviços com o mesmo nível de qualidade Del Rosso
** Os brindes variam de acordo com os serviços e produtos adquiridos

 

Tudo o que você precisa saber sobre amortecedores – Assista o vídeo

Precisando de Amortecedores?
Cobrimos qualquer orçamento*

Insira seus dados abaixo e ganhe um brinde exclusivo**

Ou fale agora pelo Chat Online